Aprenda Como Investir na Poupança para Comprar Imóveis

Aprenda como Investir na Poupança para Comprar Imóveis

Aprenda como Investir na Poupança para Comprar Imóveis

Investir na poupança para comprar imóveis é uma maneira segura de colocar em prática aquele planejamento financeiro que você vinha elaborando.

Afinal, trata-se de uma opção flexível para que você respeite o seu orçamento e faça aplicações de acordo com o que conseguir economizar ao longo de cada mês.

Dessa maneira, você conta com um auxílio importante para realizar a compra da sua casa própria.

Para que você implemente com sucesso essa etapa do planejamento, reunimos algumas dicas importantes para você.

Veja agora como investir na poupança para comprar imóveis.

O que é a poupança

Ainda considerada a aplicação financeira mais utilizada pelos brasileiros, a poupança foi criada na segunda metade do século XIX. Seu objetivo era conferir ao consumidor um poder de compra mais seguro e estável.

E isso se deve, principalmente, ao fato de que é possível realizar depósitos de qualquer valor e na frequência desejada.

Assim, investir na poupança para comprar imóveis se tornou uma ação prática e muito mais flexível para aqueles que buscam uma alternativa para economizar em um determinado período.

Ou seja: ela não é a modalidade financeira mais rentável para quem deseja investir. Mas uma boa opção para quem deseja concentrar as suas economias em um único lugar. E que tenha um objetivo no curto, médio ou longo prazo.

E o melhor, é que a poupança é um investimento de baixo risco. O único problema associado à perda de dinheiro aconteceria em caso de falência do banco onde você possui a aplicação.

Como funciona

A cada 30 dias, contando a partir da data escolhida para aplicar o dinheiro, é calculado um rendimento de juros sobre o valor que você tem na poupança.

Essa rentabilidade mensal está associada à Selic, que é a taxa básica de juros. Isso quer dizer que toda instituição financeira deve seguir o percentual estipulado pelo Banco Central. É ele quem repassa as taxas e correções), deixando-a com uma rentabilidade igual para todos os bancos.

Além disso, a poupança é considerada uma boa opção para auxiliar na construção de um investimento para compra de imóveis. Isso porque, mesmo que a taxa de rendimento seja inferior a outras modalidades de investimento, existem algumas vantagens.

Entre elas, o fato de que a poupança não possui taxa de administração. Também não possui cobrança de taxas pela transferência do dinheiro, devido à ligação direta da conta-poupança com a conta corrente.

Para quem pretende sacar o dinheiro baseando-se em um cronograma para a compra de algo específico, como um imóvel, pode ser uma boa saída.

Algumas dicas ao investir na poupança para comprar imóveis

Um bom planejamento financeiro se baseia em metas e objetivos. Por isso, é importante que você saiba 3 coisas antes de investir na poupança para comprar imóveis:

  • O valor aproximado do imóvel que pretende adquirir;
  • O valor que você possui para o investimento;
  • O valor que você consegue economizar mensalmente.

Depois, é importante avaliar o melhor dia do mês para aplicar o dinheiro, com base em seu orçamento. Lembre-se que os rendimentos são calculados após 30 dias da data do investimento. Por isso, é bom fazer as aplicações sempre no mesmo dia do mês.

Em seguida, verifique em quanto tempo você terá o necessário para colocar a sua meta em prática. Esse período será o seu cronograma para alcançar o objetivo proposto.

Algumas dicas específicas podem ajudar a potencializar os seus rendimentos mensais, como:

Atenção aos saques:

Como o cálculo de rentabilidade é feito apenas a cada 30 dias, se você depositar R$ 100, por exemplo, e sacar R$ 60 desse valor em um intervalo inferior a um mês, a rentabilidade calculada será feita apenas sobre o valor restante (R$ 40, portanto).

Atenção aos dias úteis e não úteis:

Verifique sempre em que dia da semana vai cair o aniversário (o dia em que irá ocorrer a rentabilidade dos seus investimentos) para evitar que você saque o valor em um dia útil anterior ao aniversário (caso ele caia em um final de semana). Isso vai fazer com que você perca a rentabilidade desse período.

Como começar a investir na poupança para comprar imóveis

Quem possui conta corrente em um banco pode se informar a respeito da sua conta-poupança. Normalmente, já está associada à sua conta principal.

Nesses casos, basta dirigir-se a um caixa eletrônico, agência ou mesmo fazer pela internet as aplicações nos dias que julgar mais convenientes.

Quem não possui conta corrente, a solução é abrir uma caderneta de poupança. Ela pode ser aberta direto nas agências bancárias, com RG, CPF, comprovante de renda e de endereço em mãos.

Isso significa que investir na poupança para comprar imóveis é uma solução prática para você tirar do papel os planos e já sair em busca do melhor terreno para você.

Para facilitar essa etapa também, convidamos você a conhecer o Jardim dos Sabiás, um loteamento aberto com lotes residenciais a partir de 150 m², ao lado do Distrito Industrial Europark e das fábricas da John Deere e Deere Hitachi, GM, Toyota, entre outras e com fácil acesso ao centro da cidade.

Com um total de 600 mil m² de, o Jardim dos Sabiás está localizado em uma área cercada pela natureza. Perfeito para construir a sua casa e ter a vida que sempre sonhou!

Lotes a partir de R$115.000,00 com possibilidade de parcelamento em até 180 vezes e uma entrada pequena que, com certeza, vai caber no seu orçamento. Clique aqui e saiba mais!